quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Cafezinho, poesia e bolachas francesas

Hoje, ao entardecer Gente Viva reuniu-se para um cafezinho e Coisas Boas.

A poesia, o aroma a café, o sabor a doce mel entre amigos concebeu um lindo poema através do exercício "cadáver esquisito":



Há no céu um sorriso de ti...

Uma memória da totalidade!

Uma memória de verdade

Que espreita num feliz olhar

Um olhar de doce ternura

Que embala qualquer alma

À luz do sol que vimos

Nascer todos os dias

E parti. No meio da bruma, em noite escura

À procura da luz que tarda em amanhecer.

1 comentário:

  1. Do nada se fez um poema lindo, com sentido e com conteudo. Foi a primeira vez que participei no "cadáver esquisito", mas adorei a experiência. Aguardo pelo próximo desafio.
    Um obrigado a todos vós, pelo muito que aprendo convosco.

    ResponderEliminar