domingo, 11 de outubro de 2009

Textos de Fernando Pessoa

In: LOPES, Teresa Rita - Pessoa Inédito, Lisboa, Horizonte, 1993.

Post de David S. (300) que actualizou a ortografia da transcrição.


“[POETAS PENSADORES]

Poetas pensadores são de 3 espécies:

(1) Aqueles em que o poeta e o pensador estão absolutamente fundidos (Antero).

(2) Aqueles em que o pensamento e a expressão poética dele se acham inteiramente separados, de modo que o pensamento é conscientemente posto em verso, ainda que, sendo a natureza artística intensa, em magnífico verso (Goethe, em parte, Hugo, às vezes, os poetas do séc. XVIII).

(3) Aqueles em que o pensamento é pensado poeticamente, mas não realizado com perfeito (e artístico) afastamento; sem confusão, modeladora em perfeita arte ao pensamento (Bocage, Wordworth, Pascoaes).”

“Um poema é uma obra literária em que o sentido se determina através do ritmo. O ritmo pode determinar o sentido inteiro ou parcialmente. Quando a determinação é inteira, é o ritmo que talha o sentido, quando é parcial é no ritmo que o sentido se precisa ou se precipita.”

Sem comentários:

Enviar um comentário